Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2017

Novamente, o Comboio de Lata

Por várias vezes aqui tenho escrito acerca do antigo caminho-de-ferro florestal que em tempos serviu na Mata Nacional de Leiria/Pinhal do Rei, mais conhecido por Comboio de Lata. Recorde-se que este pequeno comboio, de via reduzida (60 cm), era composto por três locomotivas a vapor, alimentadas com lenha do próprio Pinhal, dois vagões de passageiros, vários outros de caixa aberta (para carga variada) e alguns outros próprios para o transporte de grandes pinheiros. Muito útil nos primeiros anos de actividade, por falta de estradas e transportes rodoviários, tornou-se obsoleto quando, no Pinhal do Rei, se construiu uma rede de estradas florestais cobrindo em grande parte toda a área do Pinhal. Foi por isso desactivado em 1965 e deixou de circular, após 42 anos de serviço. Em 1967, todo o conjunto que compunha o Comboio de Lata (máquinas, carruagens e carris), foi vendido em hasta pública, para sucata, à porta da Repartição de Finanças. Conforme se pode ver em várias fotografias, quer sejam …

No tronco dum pinheiro da Floresta

A infinita frase dos pinhaes

cantou embaladora à minha infância,
e ficou em minha alma a ressonância
destas religiosas catedraes...
Em cada inverno as árvores doridas
fogem do mundo, deixam-no sozinho;
só estas, sempre fielmente erguidas,
mantêm no mesmo gesto igual carinho.
Verdes amigos certos para a gente,
têm a constância na adversidade,
dão a saúde e ensinam a bondade,
— a Bondade: justiça sorridente.

Afonso Lopes Vieira

Painel (parte) de azulejos no antigo lavadouro de S. P. de Moel - Parque do Vale do Ribeiro de S. Pedro de Moel (Desenho de Gama Diniz)