Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Janeiro, 2018

Achados após incêndio

O Pinhal do Rei está limpo!
Com o incêndio de 15 Outubro de 2017 o Pinhal do Rei ficou limpo, talvez como poucas vezes esteve, todavia, morto em vez de vivo e verdejante.
            De facto, a ocorrência deste incêndio trouxe de novo à luz do dia algumas das ruínas de antigas construções que, há décadas, estavam escondidas pela densa vegetação. Antes assim não fosse!             A cerca de 400 metros a oeste da Casa de Guarda da Garcia apareceu um poço que não me lembro de alguma vez ter visto.
            No sítio da Mioteira, onde existiram duas casas de guarda, apareceram, a norte da estrada que por ali passa, as ruínas da antiga casa do guarda e seus anexos. A sul da mesma estrada, onde existiu a Casa do Mestre, resta apenas o tanque (já conhecido) que servia a casa, pois do edifício, demolido em Janeiro de 1986, nem os alicerces ficaram.


Ruínas das antigas casas de guarda da Mioteira e seus anexos
No sítio da Valdimeira, a jusante da fonte que hoje conhecemos como Fonte d…

Flores do Pinhal do Rei (2)