quarta-feira, 29 de julho de 2015

Na Torre da Crastinha

In: "Diário de Lisboa", nº 9544, Ano 29, Sábado, 25 de Junho de 1949, (excerto)
©casacomum.org/Fundação Mário Soares

Luneta que esteve instalada nos Pontos de Vigia
 
O Ponto de Vigia (Torre) da Crastinha

segunda-feira, 13 de julho de 2015

A Fonte Férrea

            É nas margens do Ribeiro de S. Pedro Moel que se concentra um grande número de pequenas fontes, aproveitando as nascentes de água fresca que ali emergem. Todavia, também na fronteira Este do Pinhal, existem várias fontes. É o caso da Fonte do Sardão, da Água Formosa ou da Fonte Férrea.
            A Fonte Férrea situa-se no talhão 179 junto à antiga Casa de Guarda da Garcia. A designação “Fonte Férrea” pode ver-se no mapa do Pinhal de 1940. Num outro mapa, alguns anos mais antigo, esta fonte aparece designada por Fonte do Garcia, o que, creio, deve ter sido um lapso, pois talvez se quisesse designá-la por fonte da Garcia, dada a proximidade da povoação da Garcia.


A Fonte Férrea
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...